Tribulus terrestris

Print Friendly, PDF & Email  - printfriendly pdf email button md - Tribulus terrestris
5 (100%) 1 voto

O que é Tribulus terrestris

tribulus terrestris é um fitoterápico proveniente de uma erva daninha. Usada durante séculos, é encontrada em diversas partes do mundo, mas em maior concentração no Mediterrâneo. É utilizado para diversas finalidades, sendo o ganho de massa muscular (pois a planta é capaz de regular as ações da testosterona), e o estímulo sexual (melhora de libido e desempenho sexual) as principais. Dentre sua substâncias ativas, vale destacar as saponinas, flavonóides e alcalóides, se tornado uma grande aliada para homens e mulheres. Apesar de não saberem qual destes seria o composto ativo pela sua ação, especula-se que as saponinas sejam as responsáveis, sendo o foco de diversos estudos.

Principais benefícios

– Aumento da produção natural de testosterona

– Melhora do estímulo e impulso sexual

– Otimização da força e da massa muscular

– Diminuição da fadiga e cansaço

– Auxílio na regulação da ovulação e melhora da libido em mulheres

Como funciona?

O TribulusTerrestris tem como algumas de suas funções o auxílio na recuperação da libido, do impulso sexual, tratamento da impotência sexual e aumento do número e mobilidade de espermatozóides, auxiliando na espermatogênese e em tratamentos para infertilidade. Neste sentido, a erva funciona provocando uma vasodilatação na região genital, fazendo com que seja bombeado mais sangue nessa área. Em alguns estudos científicos, foi possível observar um grande aumento do LH e da testosterona, assim como do estrogênio. Tais hormônios estão ligados ao apetite sexual. Em mulheres, o Tribulus pode ajudar a aliviar alguns sintomas da menopausa.

Seu mecanismo de funcionamento no aspecto do aumento da testosterona, se dá pelo estimulo natural da glândula pituitária, que promove um aumento na produção de LH (Hormônio Luteinizante) o qual por sua vez, estimula a produção de testosterona livre em homens, funcionando assim como um estimulante natural contra a andropausa.

Devido ao aumento nos níveis de testosterona produzida pelo organismo ao se consumir a erva, é possível ver uma melhora na rendimento físico.

Tribulus Terrestris e a testosterona

O Tribulus Terrestris é conhecido por aumentar os níveis de testosterona no corpo, atuando portanto como um adaptógeno, regulando e aumentando naturalmente a produção e liberação de testosterona quando esse hormônio encontra-se abaixo do esperado. Um dos mecanismos de ação propostos, é de uma saponina encontrada no Tribulus conhecida como protodioscina, é responsável por desencadear a liberação de óxido nítrico no tecido e aumentar os níveis de dehidroepiandrosterona (DHEA), um hormônio esteróide, precursor da testosterona.

O nível alto de testosterona no corpo é responsável, não somente pelo aumento da libido e do desempenho sexual, mas, também, por melhorar o anabolismo muscular. Ao aumentar as concentrações plasmáticas de testosterona, essa erva pode criar um efeito anabólico natural proporcionando ganho de massa muscular, através de uma melhora na performance dos treinos.

testosterona é um hormônio que tem efeitos anabólicos no organismo e é encontrado em grande escala nos homens e em menor quantidade nas mulheres.

Entretanto, vale ressaltar que algumas pesquisas não evidenciam aumentos de massa muscular através do uso do Tribulus,  e outras pesquisas, somente observam esse fator quando utilizam as saponinas de maneira isolada.

O que parece mais adequado é que os diferentes efeitos e respostas aos estímulos dados, variam de pessoa para pessoa, partindo da premissa da individualidade genética e metabólica afinal, cada metabolismo é único.

Tribullus terrestris e a mulher

Nas mulheres, como dito anteriormente, o Tribulus Terrestris é um forte aliado por ajudar a aliviar os sintomas da menopausa, pois a erva possui ação analgésica, podendo auxiliar no alívio de dores, e em casos mais graves de TPM, já que tem efeito analgésico, alivia as incômodas dores de cólicas menstruais e auxilia na irritabilidade.

Para gestantes e lactantes é proibido o uso do produto por falta de estudos que possam garantir seu uso com segurança.

Saponinas

O Tribulus Terrestris possui uma substância chamada protodioscina, uma saponina responsável pelos benefícios atribuídos que a planta oferece. Essa substância estimula a produção de óxido nítrico, que possui efeito vasodilatador. Por isso, alguns estudos em animais identificaram que a planta seria capaz de reduzir a pressão arterial e alguns estudos em humanos foi possível constatar uma ereção mais prolongada.

A protodioscina presente na planta ainda interfere no sistema cardiovascular, inibindo a enzima conversora de angiotensina, que quando em grande quantidade, leva ao aumento da pressão arterial. Além disso, a protodioscina pode estimular o hormônio luteinizante (LH) localizado no testículo do homem, que por sua vez, estimula a produção de testosterona.

Devido ao aumento na produção de testosterona que é produzida no organismo ao se consumir a erva, é possível ver um aumento na resistência e na força do corpo, além de melhorar a densidade mineral óssea, pois a testosterona também é um hormônio ligado a saúde dos ossos.

A depender da qualidade e do modo de obtenção do Tribulus Terrestris, ele pode apresentar diversas concentrações de saponinas. As saponinas do Tribullus têm como principal propriedade o potencial esteróide, portanto um extrato dessa planta com um baixo percentual saponina, vai reduzir seu efeito no aumento da produção de testosterona, mas existe um limite entre potência e doses seguras para o consumo. A porcentagem padrão utilizada pela indústria americana é aproximadamente 40 a 45%, mas normalmente esse grau só é alcançado por laboratórios de alto padrão autorizados pelo FDA (Food and Drug Administration). Essa porcentagem é considerada segura e promove bons resultados.  

Tribulus Terrestris engorda?

Apesar de muitas pessoas acreditarem que essa erva pode contribuir para o ganho de peso, por aumentar a massa muscular e o nível da testosterona, o uso de Tribullus não leva o indivíduo a engordar, até porque isso vai depender de outros fatores, como a planejamento alimentar, que pode influenciar diretamente nisso, do que apenas o efeito primaria da substância.

O aumento de peso com o uso do Tribullus seria atribuído apenas se houver alterações hormonais, ou seja, fazer uso da substância sem controle e acompanhamento de um profissional.

Isso também vale para perda de peso. O Tribulus Terrestris não tem efeito direto na redução de gordura corporal. O que pode acontecer é que, ao poder promover ganho de massa muscular, quando aliado a um programa nutricional e treino eficientes, ele pode auxiliar indiretamente na melhora dos resultados e perda de gordura, se esse for o objetivo. Portanto, não é o seu uso isolado, e sim, todo um cenário adequado contribuindo para redução de gordura corporal e ganho de massa muscular.

Efeitos colaterais

O Tribullus Terrestris, como dito anteriormente, é um composto natural. No entanto, como qualquer outro suplemento, é necessário tomar cuidado com seu consumo excessivo para evitar complicações à saúde, portanto é importante que respeitemos seus protocolos de uso.

Algumas evidências indicam que super dosagens dessa planta pode gerar desconfortos gastrointestinais, relacionados a leves dores estomacais. Porém, isso não é observado com todos os usuários.

Sabe-se que altos níveis de testosterona podem ser convertidos em estrógenos e, que essa conversão acarretará problemas como ginecomastia (aumento do volume das mamas no homem), entre outros.

Porém, o Tribulus não eleva os níveis de testosterona acima dos níveis fisiológicos do corpo, já que ele estimula a produção natural e endógena do corpo.

Converse sempre com um profissional para avaliar as necessidades e possíveis interações com outros medicamentos que possa estar fazendo uso.

Dosagem recomendada

A dosagem varia de 250mg a 1500mg de acordo com a posologia de cada fabricante. Porém, a dosagem máxima diária considerada de segurança para o uso do Tribullus Terrestris é de 1000mg. Isso também pode variar de acordo com o peso, composição corporal e objetivo. A maioria dos estudos são baseados no uso de 500 a 750mg ao dia.

Vale lembrar que, se ultrapassar essas dosagens, você não conseguirá elevar mais seus níveis de testosterona, já que ele não eleva os níveis de testosterona acima dos níveis fisiológicos do corpo, portanto, desconsidere quaisquer abusos.

Contraindicações

O Tribulus Terrestris não é indicado para todos. Portadores de qualquer tipo de câncer devem evitá-lo, assim como pessoas que possuem problemas hormonais também. Por esse mesmo motivo, ele não é recomendado para gestantes e lactantes, já que estão com os níveis de hormônios alterados naturalmente. Ele também não é indicado para crianças e menores de 21 anos, pois esses ainda não estão com seus eixos hormonais devidamente estabilizados.

Nos conte sua opinião!

x'